Nesta sexta-feira (24/9), o vice-presidente do Tribunal de Justiça do Tocantins (TJTO) e supervisor do Grupo de Monitoramento e Fiscalização do Sistema Carcerário e Socioeducativo (GMF), desembargador Pedro Nelson de Miranda Coutinho, acompanhado do coordenador do GMF, juiz Jordan Jardim, visitou a Unidade Penal de Cariri do Tocantins, município a 240 km de Palmas, sul do Estado.

A visita institucional, que durou cerca de cinco horas, teve o objetivo de identificar possíveis problemas na Unidade Penal recém inaugurada. Eles visitaram o refeitório, salas de videoconferência, parlatório, salas de aula, de enfermagem, odontologia, psicologia, atendimento social e celas. Um dos pontos que mais chamou a atenção dos membros do GMF foi o regime de disciplina na Unidade. Há na unidade projeto de remição pela leitura, com o engajamento de mais de 90 presos.

GMF

O Grupo de Monitoramento e Fiscalização do Sistema Carcerário (GMF) é um órgão vinculado à Presidência do TJTO, instituído pela Portaria nº 444/2012, a qual fora revogada pela Portaria nº 786/2018 e tem como objetivo coordenar, difundir, executar ações estratégicas e metas definidas pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ), nos termos da Resolução nº 214/2015. Possui dentre suas competências a fiscalização, o planejamento, coordenação, acompanhamento, funcionamento e monitoramento do Sistema Carcerário e Sistema Socioeducativo, bem como atua no âmbito da justiça criminal, em projetos encampados pelo CNJ.

Comunicação TJTO