Como consequência do teletrabalho instituído em razão da pandemia do novo Coronavírus (Covid-19), 17 assessores jurídicos do Núcleo de Apoio às Comarcas (Nacom) participaram, na última segunda-feira (25/5), de um encontro on-line com a juíza Odete Batista Dias Almeida, integrante da equipe do Nacom e presidente da Associação dos Magistrados do Estado do Tocantins (Asmeto). Na reunião, realizada pelo aplicativo Cisco Webex, foram abordados temas relacionados à qualidade na produção de atos judiciais.

Segundo o juiz coordenador do Nacom, Esmar Custódio Vêncio Filho, uma das prioridades do Núcleo é o aperfeiçoamento técnico daqueles que compõem a equipe. “A troca de conhecimentos e experiências entre magistrados e servidores foi uma forma de alcançar esse objetivo. Desde o ano de 2019, vêm sendo realizados encontros, sem prejuízo das demais funções, para debates sobre temas selecionados de acordo com os assuntos abordados com maior incidência no Núcleo, como, por exemplo, a fundamentação e a redação de pronunciamentos judiciais”, explicou. 

Produtividade


O encontro, que antes era feito de forma presencial, precisou ser reinventado desde que foi instituído o teletrabalho. “O que se pode concluir é que, mesmo a distância, valendo-se dos recursos tecnológicos disponíveis, o Nacom tem incentivado a catalização do aperfeiçoamento técnico dos colaboradores do Núcleo”, destacou o coordenador. 

Além dessa prática, o juiz explica que o contato entre os integrantes através dos recursos eletrônicos disponíveis tem sido rotineiro. “Para que não haja solução de continuidade nos trabalhos como ocorre com as orientações aos assessores, padronizações de julgamentos e ações, implementação das metas e diretrizes do Tribunal de Justiça, dentre outras atividades. Desta forma, desde a implantação do trabalho remoto e isolamento social, o Nacom se reformulou sempre em busca da manutenção e aumento de nossa produtividade, visando a entrega de uma prestação jurisdicional mais célere e de qualidade”.

Texto: Mara Roberta/ Foto: Divulgação

Comunicação TJTO