Esta segunda-feira, 25 de maio, Dia Nacional da Adoção foi marcada pela mobilização do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e dos tribunais estaduais do país durante o Encontro Digital #AdotarÉAmor, que debateu o tema em lives durante período da tarde.  A programação foi aberta às 12h30 pelo CNJ, que em seguida convidou o Tribunal de Justiça de Goiás (TJGO). O Tribunal de Justiça do Tocantins (TJTO) foi representado pelo coordenador da Infância e Juventude juiz Frederico Paiva Bandeira de Souza, que abordou o tema "Atenção aos acolhidos". 

A experiência do Tocantins se uniu às dos estados de Roraima e Paraíba em live e também tratou da situação dos imigrantes, refugiados e as casas de acolhimento, no Estado de Roraima e a adoção tardia na Justiça paraibana. O diálogo envolveu os juízes Marcelo Oliveira, coordenador da Infância e Juventude do Tribunal de Justiça de Roraima (TJRR) e Adhailton Lacet, gestor da Coordenadoria da Infância e Juventude do Tribunal de Justiça da Paraíba (TJPB).

O juiz Frederico Paiva avaliou positivamente a participação na live "Encontro Digital - Adotar é amor". “Foi uma experiência muito gratificante. Além de conhecer um pouco a realidade dos Estados de Roraima e da Paraíba em relação ao tema da adoção, pudemos rever virtualmente alguns colegas e amigos e ainda compartilhar por alguns instantes o trabalho desenvolvido pelo Judiciário tocantinense. Para o Dia Nacional da Adoção, que é comemorado na data de hoje, a nossa mensagem é no sentido de que é o amor e o desejo de amar alguém que geram o ato de adoção”. 

Texto: Kézia Reis / Foto: 

Comunicação TJTO