Na última quinta-feira, 18 de agosto, o Tribunal de Justiça do Estado do Tocantins recebeu a visita do senhor Alfeu Barros Maranhão, 67 anos, habitante de Babaçulândia, norte do Estado. Consciente de sua responsabilidade, o cidadão tocantinense fez questão, durante sua última visita à capital, de conhecer os palácios dos três poderes – legislativo, executivo e judiciário. Alfeu foi recepcionado pela assessoria de cerimonial e pôde ver de perto, além de uma sessão do Tribunal Pleno do Tocantins, alguns departamentos da Casa e conferir seu funcionamento. “Todo cidadão tocantinense deveria ter a oportunidade de conhecer como funciona cada um desses Poderes, principalmente os estudantes”, defendeu, entusiasmado.

Natural de Porto Franco, Alfeu vive no Tocantins desde os seis anos de idade. Pai de cinco filhos e avô de seis netos, ele está aposentado e sempre que pode vem à Palmas para visitar os filhos que aqui vivem, sendo três estudantes de Direito. O Aposentado adora, como ele próprio define, “as coisas lindas de Palmas” como a Serra do Lajeado, o Lago e os prédios que compõem a estrutura física da capital.

“No meu livro de vida aprendi que a ética é o melhor remédio para curar os males que afligem nosso país”, refletiu Alfeu Barros ao final de sua estada no Palácio da Justiça Rio Tocantins.