Com o objetivo de ampliar os conhecimentos dos estagiários do Núcleo de Apoio às Comarcas (Nacom), por meio de atividades práticas e vivências de situações profissionais reais, mais uma edição do projeto “Visitas Institucionais” foi realizado na última quinta-feira (26/11). A equipe de estagiários conheceu a Unidade Prisional Feminina de Palmas e a Unidade de Regime Semiaberto (Ursa).

A estagiária Ana Paula Lage Cerqueira participou das visitas e considerou a oportunidade de grande importância para os estudantes. “A visita aos estabelecimentos prisionais, propiciada pelo Nacom, foi de grande importância para o aprendizado, não só profissional como pessoal. Além de conhecermos a estrutura e a equipe de trabalho da CPP e da Ursa, nos deparamos com as histórias das mulheres que cumprem a pena e com o trabalho precioso que fazem, como por exemplo, enfeites de natal”, destacou.

“Na visita aos estabelecimentos prisionais, além de visualizarmos como ocorre o cumprimento de pena, vemos como o Estado age em busca da ressocialização, inclusive por meio dos estudos; aliás, das mulheres que estavam tendo aula no dia da visita, soubemos que três delas iriam se formar no terceiro ano do ensino médio'', complementou a estagiária Amanda kelly Marinho Silva.

De acordo com o juiz Marcelo Laurito Paro, coordenador do setor de estágios do Nacom, a visita aos estabelecimentos prisionais foi uma sugestão dos próprios estagiários e contribuirá de maneira significativa para a formação dos estudantes. “Continuando nossas visitas institucionais, conhecemos as estruturas dos estabelecimentos prisionais femininos de Palmas, CPP e Ursa; temos consciência de que a experiência proporcionada será de grande valia para os futuros operadores do Direito”, destacou o magistrado. 

Comunicação / TJTO