Visando prestar um atendimento mais confortável ao cidadão e a melhoria das condições de trabalho nas Comarcas, a Presidente do Tribunal de Justiça do Tocantins, Desembargadora Willamara Leila, lançou as pedras fundamentais da construção dos Fóruns nas Comarcas de Arraias e Paranã, região Sudeste do Estado, nesta segunda-feira, 19/10. “A pedra fundamental é mais que uma simples matéria, significa mais conforto para os cidadão, quando aqui vierem resolver seus conflitos judiciais. Significa o sonho dos servidores que virão trabalhar mais felizes, pois terão um lugar confortável para desenvolver suas atividades”, afirmou a Desembargadora Willamara Leila, pela manhã, durante a solenidade em Arraias, complementando: “Neste local estão depositados os sonhos e as esperanças”.

Para o Prefeito de Arraias, Antônio Wagner Barbosa Gentil, trata-se de uma obra importante para o município. “É um marco para Arrraias. Esta obra atende ao anseio da população”, afirmou. A Prefeitura Municipal doou o lote de aproximadamente 2 mil m2 para a edificação do novo prédio.

O Diretor do Foro e Juiz da Comarca, Márcio Ricardo Ferreira Machado, considerou histórica a solenidade tanto para o município quanto para o Judiciário tocantinense que, em sua opinião, vive importante momento. “A atual gestão do Tribunal de Justiça tem como marca a unidade do Poder Judiciário que está sendo valorizado e prestigiado como um todo”, frisou.

Em discurso, o deputado estadual Paulo Roberto elogiou a ação da Presidente Willamara Leila em aproximar a Justiça do cidadão nas diversas regiões do Estado. “Só o tempo vai agradecer à senhora (Presidente). O tempo mostrará seu o gesto de grandeza para com o Estado”, destacou.

Instalações
Como parte da programação, a Presidente do TJTO visitou as instalações do Fórum e se reuniu com servidores e Magistrados. A Comarca de Arraias, a 413 Km de Palmas, é de 3ª entrância, com grande demanda de processos judiciais. O prédio atual, onde funciona o Fórum, é alugado e funciona em situação precária, com instalações inadequadas.

Conforme projeto arquitetônico, apresentado pela Presidente Willamara Leila, as novas instalações são padronizadas e terão, aproximadamente, 883 m2 de área construída, com almoxarifado, salas para Oficiais de Justiça, representantes do Ministério Público, Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Arquivo, Cartório, Defensoria Pública, Protocolo e sala de audiências. Além de: Salão do Júri, com auditório para 78 lugares e três gabinetes para juízes, compostos por sala de audiência, cartório e recepção. Haverá ainda, segundo o projeto elaborado pela Diretoria de Obras do TJTO, sala secreta, alojamento da Polícia Militar, Salas para Testemunhas de acusação e defesa, espaço policial e celas. Participaram do evento, o Presidente da Associação dos Magistrados do Tocantins (ASMETO), Allan Martins, os Promotores João Neumann Marinho e os Juízes, Iluipitrando Soares Neto (Taguatinga), Fabiano Ribeiro (Paranã), Marcelo Paro (Natividade) e Jocy Gomes de Almeida (Dianópolis), o presidente da Câmara Municipal, José Brasílio, entre outras autoridades.
 
 
Assessoria de Comunicação do TJTO-fone(63)3218-4437 email:Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.